Vida Cristã

Retire suas roupas brancas da gaveta!

18 fevereiro, 2017

Desta vez, após finalizar a leitura, ouça ‘Hoje eu te gerei’ – Tiago Tinoco.

Para qualquer lugar que estender seus olhos, verá que, notoriamente, vivemos em uma sociedade corrompida pelo pecado! O apego ao egoísmo, à busca pelo sucesso em desprezo aos relacionamentos, a ausência de tempo de qualidade com a família. Olhe pela janela ..

Nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo forma de piedade, negando-lhe, entretanto, o poder. ” 2 Tm 3. 2-5

O mundo jaz o maligno! Quem nunca ouviu ou até mesmo já pronunciou essa afirmação?

Certamente a sociedade está corrompida pelo pecado. Mas quando foi que ela não esteve corrompida?

Todavia, acredito que a real afirmação a ser pronunciada, deveria nos fazer ouvir: Vivemos em uma igreja com roupas  sujas, corrompida pelo pecado!

Essa sim, é a dura e difícil realidade que relutamos em afirmar.

Quando o Senhor Jesus esteve em carne nessa terra, em vários momentos as escrituras sagradas evidenciam como àqueles que se diziam servos de Deus estavam corrompidos pelo pecado. Com suas vozes se auto declaravam filhos de Deus, mas seus corações estavam inteiramente alheios a Deus.

Aí você poderia dizer: “ Ah, mas a igreja só foi constituída a após a ressurreição de Cristo”. Então por quais motivos Paulo teria sido inspirado pelo Espirito Santo a escrever suas cartas as igrejas por onde passou? E o que dizer das cartas as igrejas da Ásia em Apocalipse?

De fato, a igreja, ou melhor dizendo, seus membros, sempre se deixaram corromper pelo pecado. Se assim o é, e disto sabemos, então o que há de diferente entre a igreja e a sociedade?

Esse é justamente o ponto principal deste texto.

Nós, que somos igreja, ao fechar a porta do nosso quarto em intimidade com Deus, precisamos retirar nossas roupas brancas da gaveta, precisamos voltar a batalhar pelos princípios que nos faz luz neste mundo.

Infelizmente, já se tornou habitual, comentários que revelam cristãos em desunião, cristãos em fraude nos negócios. Infelizmente o amor ao próximo já não é prioridade para muitos membros, a presença do outro é unicamente um atributo de quantidade. Infelizmente muitos líderes, inclusive pastores, tem envergonhado a igreja, já que os orçamentos, os status, e até a influência política, colocou os propósitos do reino em segundo plano.

Ah, mas isso é o cumprimento de profecias bíblicas, de fato é, mas nós, neste momento, nos encaminharemos a ‘gaveta’, que é o sangue de Cristo, e vestiremos nossas roupas brancas. 

Rasgue as roupas sujas do pecado. Inconforme-se! Você precisa fazer a diferença, falar diferente, agir diferente, reagir diferente, se relacionar com o próximo de forma diferente. Leve na mochila a obediência, a honestidade,a  humildade. Cultive e preserve a essência do Pai, e juntos participaremos da genuína igreja, que está além das paredes, suas fronteiras são incalculáveis.

Ame ao Senhor teu Deus acima de todas as coisas! Ame o teu próximo como a ti mesmo! Mantenha suas vestes brancas! Enfrente as aflições que o mundo nos trará! Ele venceu, nós venceremos!

Bem-aventurados todos os que lavam as suas roupas no sangue do Cordeiro, e assim ganham o direito à árvore da vida, e podem adentrar na Cidade através de seus portais.

Entraremos juntos na Cidade que Ele já preparou para nós, por seus grandiosos portais!

  Jordson Sousa – Peregrino nesse mundo, esperando a volta do Rei dos Reis

Comentários

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply