Lições Espirituais

Lições Espirituais geradas em Julho.

2 agosto, 2019

Enquanto lê, ouça “Venho a Ti” – Luma Elpidio.

Julho de 2019, foi um mês intensamente desafiador e que teve seus dias preenchidos com sorrisos que não cabiam nos lábios, mas também com lágrimas que não cabiam nos olhos. E confesso que relembrar as lições deste mês tão único não estava em meus planos até às 12h deste dia, mas Deus com seu zelo imensurável trouxe paz a minha alma para que pudesse iniciar estas poucas palavras, que possuem como alvo edificar e renovar sua fé e esperança na certeza de que agosto será um mês vivido abaixo dos cuidados do nosso Deus. Então, vamos as lições:

Lição 01: A alegria de viver o cumprimento das promessas não pode substituir a alegria de estar com o Deus que cumpriu a promessa.

Como é incrível viver os dias em que as promessas começam a se tornar reais, é tão maravilhoso que necessitamos guardar nosso coração para que mesmo nos dias de promessas reais não venhamos a substituí-la pelo lugar da maior promessa que é usufruir a doce companhia deste Pai que também é Deus.

A enorme empolgação é um risco a nossa comunhão com o Pai, e pode trazer sequelas ruins ao crescimento da profundidade das nossas raízes em Deus.

A alegria da mais inexplicável das promessas não se compara a alegria de dobrar os joelhos, fechar os olhos, sentir o abraço de Deus e ouvir sua voz no palpitar do nosso coração! Jamais poderá se comparar!

Então, quando chegarem os dias em que os seus olhos verão o agir extraordinário de Deus em seu favor, não troque  a alegria de estar com o Deus que cumpriu a promessa pela alegria de viver a promessa, até porque promessas em sua maioria possuem um tempo determinado, mas a comunhão com Deus é nossa dádiva a ser vivida e usufruída hoje, amanhã e eternamente.

Lição 02: Deus restaura sentimentos interrompidos com novos sentimentos e alegria em dobro.

Lembro dos dias em que me vi com amizades interrompidas, e o quanto sofri por ter que ver a ruptura de sentimentos que possuíam inúmeras memórias em minha mente, e o quanto eu clamava a Deus para que restituísse aqueles sentimentos aos quais eu tanto amava sentir, viver e ter em meus dias.

Só que neste mês de Julho, a distancia dos amigos que Deus havia colocado em minha vida e a quem eu tanto amo, me fez sentir a ausência deles nas minhas noites de terça, nas minhas manhãs de domingo, e me fizeram perceber que o amor genuíno é simplesmente amar e não esperar perfeição, mas viver intensamente cada abraço, cada sorriso, cada momento juntos, sabendo que aquele amor é dádiva do Pai.

E para minha surpresa, ao retornar, desejando apenas ter o abraço de cada um, ouvir a gargalhada de cada um, perceber o amor de cada um por Deus, e amá-los, ainda fui surpreendida com um delicioso bolo de chocolate, e uma singela frase de boas vindas, por um instante, foi como se o tempo tivesse parado bem ali, e Deus sussurrando em meus ouvidos: Eu sempre colocarei amigos na vida de meus filhos para que os sentimentos interrompidos sejam restituídos com alegria em dobro.

Lição 03: Pecados também podem fazer aniversário.

Este último mês foi o mês em que me vi comemorando meu aniversário de quinze anos de batismo, e na noite do dia 03 de julho, o Espírito Santo me levou a um quebrantamento, que me fez recordar de pecados que tem me acompanhado por todos estes anos, e que por mais que eu os abandone por um período de tempo, vez ou outra me vejo refém daquilo que não quero fazer, mas mesmo assim faço.

E quando me vi convencida pelo Espírito Santo desta realidade, fui impulsionada a lutar para que prisões fossem desfeitas em minha vida, pois não importa o quão Deus tem cumprido suas promessas em meu viver, o pecado sempre estará a buscar minhas vulnerabilidades, enchendo meu coração de culpa.

Preciso assumir minhas guerras, não apenas quando a culpa apontar suas acusações a minha alma, mas necessito enfrentá-las vez após vez para que aniversários de pecado não façam parte das minhas recordações espirituais, mas para que meu espírito seja renovado com a certeza de que o sangue de Jesus me liberta das acusações da culpa e dos pecados que insistem em me levar cativo, e não posso acomodar minha alma, mas conduzi-la a clamar por minha salvação.

Espero, em oração, que alguma destas lições que o Espiríto Santo me permitiu viver neste mês de Julho de 2019, também alcance o seu coração.

Com amor em Cristo Jesus.

Priscilla Patricio.

Comentários

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply