Maturidade Espiritual

Insistente

6 agosto, 2018

Enquanto lê, ouça ‘Reina’ – Jeferson Pillar (ouça aqui)

Dias atrás, eu me revirava entre as palavras durante uma dolorida oração. Eu não conseguia compreender como eu era capaz de ser tão insistente. Meus olhos já haviam visto e revisto que seguir por onde eu planejava ir, me levaria para dias não tão intensos com o Pai, mas meu eu insistia em ir.

Como em um instante, naquela oração, minha mente me fazia lembrar das inúmeras vezes que eu havia dito: não irei mais desagradar o coração do Pai. Dias depois as flores entregues a Deus em oração, murcharam, por mais uma vez. Eu estava, novamente, no mesmo lugar. Quanta insistência habitava em meu coração.

A força, que parecia infindável, instantaneamente, já não possuía lugar. A fraqueza gritava, gritava alto, bem alto. As distrações lícitas insistiam em me manter com uma entrega média. Vivendo alguns minutos por dia de modo não tão intenso. Parecia bom. O meu eu insistia em continuar ali. E sei, que a qualquer momento ele irá insistir por mais uma vez. Pense em um eu que ama ser insistente. Assim é o meu e o seu: eu.

Guerras tão doloridas em um lugar tão pequeno: o interior do Eu.

Não importa a intensidade dos nossos esforços, naturalmente, somos levados a nos habituar na fraqueza de lutar apenas alguns dias, e por todos os outros, nos acostumar. Existe apenas UM, mais forte que esta nossa vontade natural de conviver com uma intimidade não tão intensa, não tão constante, Ele, o maior interessado, em nos ter não apenas com uma temporária bela vida, mas com uma vida abundante.

Precisamos lembrar que nossa genuína insistência em sermos fiéis, obedientes, perseverantes ao nosso fiel Deus não será vã. A insistência do eu, porém, nos fará perder a alegria de ver a face dEle, o Pai, o Eu Sou. A insistência do eu nos roubará a eternidade com Ele.

Os dias continuarão insistindo em levar as nossas horas. O desejo de descanso da sobrecarga diária continuará insistindo em nos levar para longe do reino. A ausência de relacionamento íntimo nos levará para a fraqueza da fé.

O eu continuará frágil. Esta é sua essência.

Mas em oração, clame ao seu Pai (eu insistirei em clamar) para que a força que há em Suas mãos continuem nos socorrendo, e nos tornando irrepreensíveis.

Pra quê insistir em fugir do querer dEle para as nossas vidas, se o nosso querer é estar com Ele por toda a eternidade?

Não permita que seus olhos chorem com a perca do privilégio de estar com Ele por uma vida eterna. Insista em não desagradar o coração deste Deus que lhe ama e lhe espera. Que habite em nós um arrependimento diário, e que nossos pensamentos insistam em estar cativos em obediência ao único Deus, nosso amado Salvador.

Há um lugar que nos espera, insistamos em ir para lá!

Com amor em Cristo,

Priscilla Patricio.

Comentários

You Might Also Like

4 Comments

  • Reply Bruno salgado 8 agosto, 2018 at 1:36

    Muito bom, Suas palavras são inspiradas por Deus e é incrível, porque sempre condiz com a minha vida espiritual.

    • Reply Priscilla Patricio 8 agosto, 2018 at 12:52

      glórias ao nosso amado Deus por isto, Bruno.
      a forma como Ele sonda nossos corações e pensamentos é assustadora e ao mesmo tempo nos prova o cuidado dEle para que continuemos constantes na caminhada em direção aos seus braços.

  • Reply Juliana 11 agosto, 2018 at 12:01

    😭😭

    • Reply Priscilla Patricio 16 agosto, 2018 at 14:19

      Ju, que o amor dEle seja o nosso combustível para continuarmos insistindo em sermos dependentes dEle.

    Leave a Reply