Maturidade Espiritual

Fé além da promessa.

27 dezembro, 2018

Enquanto lê, ouça ‘Like You Promised’ – Amber Brooks.

Este ano, provavelmente, foi o ano em que Deus me conduziu a viver a fé além da promessa. Por alguns anos atrás, principalmente durante a minha adolescência, e início da juventude, eu costumava escutar palavras de ânimo sobre um tempo que estava por vir, e estas afirmações sempre tinham em sua sequência afirmações que me levavam a crer que neste tempo, somente neste tempo, Deus faria da minha vida o Seu querer.

Estas palavras que quase sempre revelavam grandes obras, eu costumava chamar de promessas, e ano após ano lá estava minha alma à espera do grande tempo para o cumprimento da grande obra.

Ocorre que, enquanto caminhamos na jornada da vida, o nosso guia, o Espirito Santo, também costuma ajustar nossa alma ao Seu coração. E nestes ajustes vamos compreendendo a fé, a promessa, e a fé que vai além da promessa.

A fé que costumamos atribuir aos nossos interesses (eu tenho fé que Deus cumprirá suas promessas em minha vida), se retira do eu, e alcança o reino (eu tenho fé que minha vida será útil para que cumpram as promessas de Deus para a humanidade), e nesta posição a fé se amplia de forma imensurável em busca das obras maiores que Ele, Jesus Cristo, prometeu realizar através daqueles que cressem.

A promessa abandona a busca pelas ‘grandes’ obras, pelas ‘grandes’ multidões, e alcança o perdido, o enfermo, o esquecido, o ferido, pois estes são os grandes no reino deste Deus que insiste em amar os não amáveis.

E a fé que está além da promessa dispensa os olhos dos homens, e não se importa com os aplausos desta terra, mas se esforça para ter sua intenção alinhada a vontade do dono do Reino.

Quando então a ficha caiu, o Espirito Santo me fez compreender que fé não é apenas acreditar naquilo que se espera, mas é acreditar que Deus prometeu capacitar seus filhos (nós) para ampliarmos as fronteiras do Seu reino de uma forma jamais vista.

O reino é marcado por salvação genuína, milagres reais, comunhão intencional, libertações visíveis, intercessão com clamor, amor sem reciprocidade e isto sim não temos visto, mas pela fé se tornará real.

Neste ano que já se encerra, O Pai me levou a falar as melhores inspirações da palavra aos anônimos no púlpito de suas casas, me levou a andar quilômetros para abraçar os famintos pelo pão da vida, me levou a abençoar os anônimos missionários de forma individualizada, a cuidar dos seus filhinhos recém-nascidos com leite dos céus.

E este ano, provavelmente, foi o ano com os frutos mais permanentes!

Que a nossa fé esteja além da promessa, e que o Espirito Santo continue nos capacitando para que possamos dar prosseguimento ao que Ele fez, amando os perdidos em sua individualidade, sentando à beira do poço com os sedentos, caminhando pelos caminhos que levam às casas dos feridos, curando os enfermos pelo poder que há no Seu Nome, e servindo vez após vez diante dos Seus olhos, apenas. E que o Espirito Santo nos convença de que esta é a nossa grande promessa, a nossa grande obra!

Com amor em Cristo Jesus,

Priscila Patricio.

Comentários

You Might Also Like

3 Comments

  • Reply Paulo Vinicius 28 junho, 2019 at 12:43

    Obrigado muito interessante blog!

    • Reply Priscilla Patricio 19 julho, 2019 at 0:41

      Paulo, sinta-se a vontade para sempre que puder ter alguns segundos para fortalecimento da sua fé!

  • Reply Joquebeide Prado Costa 14 julho, 2019 at 16:49

    Inspiracion😍🌸

  • Leave a Reply